FIEC inaugura Casa da Indústria e instala Polo Regional de Inovação no Cariri

Foto: Fiec

Foto: Fiec

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Roberto Proença de Macêdo, inaugura a Casa da Indústria do Cariri no próximo dia 5 de agosto, às 15h, no Centro de Formação Profissional Wanderillo de Castro Câmara, unidade do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI/CE), no bairro Triângulo, em Juazeiro do Norte.

Após esse primeiro ato, a partir das 16h, serão realizadas as solenidades de instalação do Polo Regional de Inovação Industrial do Cariri e de posse da Diretoria do Sindindústria – Quadriênio 2014-2018, no iu-á Hotel. Na ocasião, também será assinado o Pacto pela Inovação e Desenvolvimento Econômico da Região do Cariri e apresentados os dados e resultados da publicação do Projeto Setores Portadores de Futuro.

O diretor corporativo do INDI, Carlos Matos, estará presente às cerimônias. Por meio do Instituto de Desenvolvimento Industrial do Ceará (INDI), o polo chega para desenvolver a indústria local daquela região, contribuindo para uma maior integração das cadeias produtivas e possibilitando o estímulo à inovação, aumento da competitividade e participação em editais de interesse desses segmentos envolvidos. Somam-se aos esforços do Sistema FIEC no Cariri, por meio do trabalho das demais instituições integrantes do Sistema FIEC: SENAI, SESI, IEL e FIRESO.

No Cariri, a iniciativa integra os municípios de Aurora, Barbalha, Caririaçu, Crato, Farias Brito, Granjeiro, Jardim, Juazeiro do Norte, Missão Velha, Nova Olinda e Santana do Cariri. O polo faz parte de uma das ações do Programa Uniempre, englobado pelo Programa Indústria Viva, que é um conjunto de projetos integrados que envolvem ações incisivas de promoção da competitividade. Este é segundo dos sete polos previstos para instalação no interior do estado. O primeiro foi implantado em outubro de 2013, na Região do Jaguaribe, por meio da Casa da Indústria, localizada em Limoeiro do Norte.

Para Carlos Matos, o polo é uma integração da Casa da Indústria com toda a estrutura do Sistema FIEC, representando esforço para o desenvolvimento da região, focado no desenvolvimento do Cariri: “Vamos também catalisar os esforços das prefeituras, das ações do governo do estado junto com o governo federal, interagindo com a iniciativa privada, visando à geração de trabalho e emprego”.

Matos explica que já é possível verificar quais os setores emergentes que precisam de apoio para crescer na região. “O setor metalmecânico cresce bem lá. Se apoiado, crescerá mais. As empresas que fazem joias semipreciosas, que têm crescido bem, com mais de cem funcionários e formalizadas. Não podemos esquecer que o Cariri é o segundo polo turístico cearense. Recebe quase dois milhões de pessoas por ano. É um potencial que pode ser transformado em riqueza para região”, diz.

Fonte: Ceará News

Foto: Veja Juazeiro

Foto: Veja Juazeiro

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *